Radio Mosoj Chaski

9 06 2013

Luis Eldon Porter

Em 12 de Abril de 1999 um novo transmissor de 10 kW foi ao ar em 3310 kHz a partir da cidade de Cochabamba, na região centro-sul da Bolívia. Nesta área, milhares de vilarejos estão espalhados em uma das regiões de acesso mais difícil no mundo.

Há poucas estradas e as que existem não raro ficam intransitáveis. Aqui, em uma das áreas mais remotas dos Andes vive a maioria dos Quéchuas bolivianos, que são descendentes dos Incas.

Nesta região, a visão de um pastor de lhamas e um rádio é comum. O rádio é essencial na vida do Quéchua.

Devido ao isolamento, muitos Quéchuas e outros bolivianos residentes em regiões rurais dependem do rádio para receberem notícias, mensagens pessoais e entretenimento. Muitos consideram o rádio mais confiável que a comunicação cara-a-cara.

Nossa emissora
Por muito tempo falou-se sobre a criação de uma emissora em idioma Quéchua que pudesse servir ao território boliviano. Vários estudos de viabilidade foram conduzidos ao longo dos anos e a decisão tomada foi a de levar adiante este projeto adiante com uma emissora em ondas curtas.

Conforme a verba foi coletada e os planos organizados foi decidido que um transmissor de ondas tropicais era necessário. Tinha de ser um modelo resistente, com alta eficiência, baixo custo de operação e de pequena manutenção.

Escolhemos um transmissor da Omnitronix pela simplicidade do projeto, construção modular e possibilidade de uso de peças de reposição genéricas. O transmissor foi enviado por avião a partir da sede da Omnitronix em North Wales, Pensylvania a La Paz, Bolívia e por terra até Cochabamba.

Quando o caminhão chegou, ele foi removido por vinte voluntários Quéchuas. A instalação foi supervisionada pelo engenheiro da Omnitronix, Wayne Borthwick, que enfrentou vários desafios por conta da altitude e chuvas abundantes.

Testes iniciais
Após a instalação do transmissor, a alimentação, etapas de áudio e antena foram conectadas e começamos os testes. Conseguimos inicialmente um máximo de 7 kW e após análise concluímos que a impossibilidade de transmissão com potência maior ocorreu por conta de um isolador da antena queimado. Isso aconteceu provavelmente por conta de contaminação com lama durante a instalação. Uma vez substituído o isolador passamos a transmitir com potência máxima sem maiores problemas.

A Rádio Mosoj Chaski transmite apenas em idioma Quéchua e tem sido ouvida em vários continentes. A carta QSL é assinada pelo Gerente, Luis Eldon Porter.

Artigo traduzido mediante autorização do Danish Shortwave Club International. A publicação em qualquer outro meio é expressamente proibida.


Ações

Informação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.




%d blogueiros gostam disto: